DICAS DÚVIDAS NOVIDADES

PROJETO AUFRE NA PRÁTICA II, Etapas para um controle de estoque efetivo

Tempo de leitura: 3 min

 

Você Compra e Vende Produtos (Mercadorias) no varejo, atendendo seu Consumidor. Então você é um Lojista (Pequeno ou Grande não importa), mas você é um Lojista (Varejista).

Se sim, e esta lendo este Artigo, acredito que é porque se interessou pelo assunto que estamos discutindo aqui: O CONTROLE DE ESTOQUE. (Ou o Descontrole do Estoque?)

Este é um assunto que deve ser colocado em PAUTA todo dia de forma metódica, com Começo, Meio e Fim. Um processo então bem Claro e Definido, onde todos na Empresa saibam como se comportar quando o assunto for a MOVIMENTAÇÃO DA MERCADORIA.

Esta Movimentação de COMPRA E VENDA é que se torna o fator principal gerador de Renda para a Empresa, será ela que irá gerar o LUCRO, então, se não for bem definida, controlada e executada, ela poderá gerar PREJUIZO.

Então vamos lá, como fazer este CONTROLE ?

Iremos mostrar de forma bem OBJETIVA como a Empresa deve fazer ou como ela poderá fazer o CONTROLE DO ESTOQUE.

Opção 1: Controle do Estoque pela Quantidade dos Produtos Movimentados

Na maioria das Empresas de Varejo, esta será a opção básica, porém a mais usual. Imaginando que a Empresa deve manter em seu Estoque uma quantidade disponível para venda, ela precisará manter este SALDO sempre atualizado. Então a Compra Inicial irá gerar um Saldo, e toda a venda realizada irá subtrair a quantidade do Saldo em Estoque. Quando for realizada uma nova Compra desta mercadoria, o Saldo deverá ser acrescido quando esta Mercadoria chegar.

Então, esta conta básica de Entrada e Saída dos produtos gerando o Saldo em Estoque é o que as Empresas devem realizar para que possam ter um CONTROLE, gerando seu Crescimento. Parece simples, até primário, mas você faz este CONTROLE?

Opção 2: Controle do Estoque pela Numero de Sério ou Lote do Produto

Este tipo de Controle do Estoque para Empresas do Varejo de Pequeno Porte é o que considero o mais Eficiente. Utilizando Sistemas de Informação que proporcionam um maior controle para a Empresa, o Controle de Estoque por Série ou Lote permite que melhores práticas sejam aplicadas com uma maior eficiência, gerando perdas próximas a ZERO. Quando se realiza este tipo de tratamento, o Estoque fica mais assertivo pois o produto se torna ÚNICO quando se trata LOTE ou SERIE.

Neste processo é possível identificar o Produto e fazer a sua rastreabilidade, aumentando então a EFICIÊNCIA do Controle de Estoque.

Outras formas de Controle do Estoque podem ser aplicadas, todas com o objetivo de tornar a Empresa EFICIENTE, gerando resultados para o Empresário. Então, se você não utiliza nenhum Controle de Estoque, pense em começar o quanto antes, para que ao Longo Prazo não tenha dissabores tornando sua Empresa inviável FINANCEIRAMENTE.

E lembre, o SISTEMA DE INFORMAÇÃO será a ferramenta que auxiliara no controle, porém, processos bem definidos irão fazer parte para que o Controle seja EFICAZ.

 

Florisvaldo Alves Pereira
Diretor – TDP Sistemas de Informação

 

SEU NEGÓCIO

Veja também:

PROJETO AUFRE – SUA EMPRESA NA PALMA DA MÃO

PROJETO AUFRE