DEPOIMENTO DICAS

Não perca Dinheiro com TROCAS e DEVOLUÇÕES

Tempo de leitura: 3 min

 

Você quer uma Gestão eficiente das Trocas e Devoluções ou você quer perder dinheiro com Trocas e Devoluções.
Existem formas e formas para fazer este tipo de procedimento em Lojas de Varejo (em todos os Ramos). Cada Empresário define seu método, sua ‘PERMISSÃO’ e Autonomia aos Funcionários envolvidos, seus controles internos, suas anotações e documentos criativos, tudo o que pode e deve ser feito para que não se tenha PERDAS Financeiras com este CAOS.
Na eminência de se ter uma maior AGILIDADE na frente de caixa e no atendimento ao Cliente, Empresas se descuidam sobre qual o melhor processo e as normas para que seja permitida e efetivada uma TROCA ou DEVOLUÇÃO.
Por entender que este procedimento envolve valores MONETÁRIOS já transacionados, vamos orientar aqui para que se tome todo o tipo de cuidado no processo, e não apenas efetive a transação de forma SIMPLISTA.
Veja alguns exemplos onde não se toma o devido cuidado no processo, podendo gerar PERDAS Financeiras:

No caso da TROCA: receber a Mercadoria e devolver a mesma para a prateleira para venda e entregar uma substituta ao Cliente, sem baixa no Sistema. Apenas recebeu uma e entregou outra (no caso de mesmo valor).

No caso da DEVOLUÇÃO: receber a Mercadoria devolvida e disponibiliza-la na prateleira para venda sem informar ao Sistema, retirando o Dinheiro do Caixa, devolvendo o valor Monetário devido ao Cliente, fazendo apenas uma Sangria no Caixa.
No Caso da TROCA com Diferença de Valor a Maior: Alguns procedem o recebimento da Mercadoria devolvida para TROCA, disponibilizando a mesma para venda. O Cliente escolhe uma nova mercadoria com valor a maior, onde deverá proceder o pagamento.

Neste caso, apenas é documentado o valor da DIFERENÇA paga no Caixa.
Situação de TROCA com Valor a Menor: Também ocorrem trocas onde o valor da mercadoria devolvida para TROCA é maior do que a nova mercadoria escolhida. Empresas que aceitam este tipo de troca, procedem de forma simples, apenas disponibilizando a mercadoria devolvida na prateleira, entregando a nova mercadoria escolhida ao Cliente, apenas registrando o valor monetário pago ao Cliente como uma SANGRIA no Caixa.

Estes são alguns exemplos de procedimentos envolvidos em TROCAS E DEVOLUÇÕES. Existem inúmeras formas e procedimentos para Troca. O que precisamos esclarecer aqui, é que a melhor forma de se proceder e aceitar em seu estabelecimento comercial a TROCA e DEVOLUÇÃO será registrando todo o PROCESSO em um Sistema de Informação.
Não permita que o processo não seja DOCUMENTADO para que seja Ágil, e também não permita que o processo seja DOCUMENTADO de forma Simplista.
O processo dever ser EFICIENTE no sentido de preservar a Legitimidade Financeira do processo, garantindo ao Empresário que não terá problemas com Roubos e ‘FALCATRUAS’.

O Empresário deve estar ciente que o processo SIMPLES e FÁCIL para o Cliente e Vendedor também irá gerar um processo SIMPLES e FÁCIL para a ineficiência do PROCESSO, gerando possibilidades para PERDAS Financeiras.
Em novo POST estarei apresentando um passo a passo que faz parte do nosso Projeto AUFRE para este tipo de Transação em Empresas de Varejo. Fique atento.

Florisvaldo Alves Pereira
Diretor – TDP Sistemas de Informação

 

SEU NEGÓCIO

Veja também:

PROJETO AUFRE – SUA EMPRESA NA PALMA DA MÃO

PROJETO AUFRE